Robinho inicia convivência com demais detentos e tem permissão para jogar futebol no presídio

Home » Robinho inicia convivência com demais detentos e tem permissão para jogar futebol no presídio

Adaptação ao novo ambiente: Robinho se une a outros presos após período de isolamento

Robinho, o ex-jogador de futebol, concluiu seu período de isolamento na Penitenciária 2 de Tremembé e agora compartilha uma cela com outro preso, além de ter permissão para interagir com a população carcerária, incluindo a possibilidade de jogar futebol na prisão.

Desde sua prisão em 21 de março para iniciar a pena de nove anos por um crime de estupro cometido na Itália, Robinho passou os primeiros 10 dias sozinho em uma cela adaptada para sua chegada, conforme procedimentos padrão de segurança e avaliação. Após essa fase, ele foi transferido para uma cela comum, conforme divulgado pela Secretaria da Administração Penitenciária (SAP). Além do futebol, o ex-atacante tem a oportunidade de participar de atividades culturais e educacionais oferecidas pelo presídio, como oficinas de teatro, aulas de inglês, ensaios musicais e sessões de cinema comentadas.

Aos 40 anos, Robinho foi capturado em sua residência em Santos pela Polícia Federal, seguindo a decisão do Superior Tribunal de Justiça que determinou o cumprimento da sentença italiana em território brasileiro. A condenação por estupro coletivo data de um incidente em 2013 com uma mulher albanesa na Itália, sentença esta que foi confirmada pela Justiça italiana em 2022.

Caso Robinho em detalhe

Condenado por estupro em grupo de uma mulher albanesa em 2013, Robinho enfrentou julgamento em três instâncias na Itália, com a sentença final proferida pela 3ª Seção Penal do Supremo Tribunal de Cassação em Roma, em janeiro de 2022. A homologação dessa sentença pelo Superior Tribunal de Justiça do Brasil permite que o ex-jogador cumpra a pena no país.

Outros atletas, como Daniel Alves, preso por agressão sexual na Espanha, e Ronaldinho Gaúcho, detido no Paraguai por uso de passaporte falso, também tiveram experiências de participar em competições esportivas dentro das instituições prisionais onde estavam detidos, seguindo um precedente de envolvimento dos detentos em atividades esportivas como parte da rotina prisional.

Novas casas de apostas
B1bet

100% de bônus de boas-vindas

Bônus de Aposta Grátis

50% de bônus de depósito

1Win

Registro em um clique

Bônus de até US$ 1100

Probabilidades altas

Betboo

100% de bônus de boas-vindas

50% de bônus de recarga

programa de fidelidade disponível

Blaze

Um bônus de boas-vindas de até R$ 1.000!

Muitas ofertas de apostas esportivas

Apostas sem risco

Betpix

Um bônus de registro de R$10

iOS e Android aplicativo

Apostas ao vivo